Depois de longos 15 anos, na semana passada as obras de perfuração do Túnel de Gothard, nos Alpes Suíços foram concluídas. A estrutura possuí, ato todo, 57 km de extensão, abriga instalações ferroviárias e liga as cidades de Zurique, na Suíça, e Milão, na Itália. O recém inaugurado túnel tirou o título de perfuração mais longa do mundo do Seikan Tunnel, no Japão, que possui 53 km.

O empreendimento foi construído a dois mil metros abaixo do solo para que, dessa forma, as obras fossem capazes de modernizar o túnel já existente de 15 km de extensão. Toda o processo de construção está orçado em mais de 12 bilhões de francos suíços, o equivalente a, mais ou menos, 12,58 bilhões de dólares. As obras mobilizaram 2.500 trabalhadores diretos, porém , infelizmente, oito faleceram em acidentes durante os trabalhos.

O túnel está previsto para entrar em operação em 2016 e, a partir daí o túnel poderá receber até 300 comboios, sendo esses comboios de passageiros poderão circular a uma velocidade de 250 km por hora, e as composições de carga poderão atingir 160 km por hora, o dobro da velocidade de hoje em dia.

Os estudos indicam que a viagem entre Zurique e Milão seja feita em menos de duas horas. Segundo CFF, estatal suíça, mil pessoas serão selecionadas em janeiro para fazer a primeira viagem no novo túnel. E aí? Você gostaria de entrar nessa lista?

FONTE: www.institutodeengenharia.org.br